Imagem que a gente nem percebe diariamente, talvez pelo tamanho e rapidez com que acontece. O fato é que todos os dias podemos acender um fósforo sem se tocar o processo químico que acontece com ele nem ao menos perceber como a chama do fogo consome e transforma os elementos que constituem aquele palito. Pois bem, o site UItraSlo fez isso com perfeição e produziu um vídeo em lentes marco do momento em que um palito de fósforo é aceso!

fosforo

O vídeo foi produzido em 4 mil quadros por segundo e dá para acompanhar a queima do clorato de potássio, composto da cabeça do fósforo que está revestido de parafina. Uma curiosidade é que o que mantém o fogo aceso é o próprio oxigênio do ar. Mas obter o resultado esperado, foi necessário a ajuda de 2 mil watts de iluminação, conseguido através de uso de refletores. No mais, confira o vídeo e se derreta com tamanha beleza e curiosidade juntas: